Terça-feira, 28 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

in CM

 

Podemos dizer que finalmente se descobriu onde fica o Cú do Conde?

publicado por Cátia Domingues às 10:36
link do post | Aplaudir | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

 

Então podiam dar umas dicas ao Victor Gaspar.

publicado por Cátia Domingues às 11:56
link do post | Aplaudir | favorito
|
Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2012

The end is so near.

tags:
publicado por Cátia Domingues às 12:44
link do post | Aplaudir | favorito
|
Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2012

MayDay!

 

Quero agradecer ao Artigo 21º que quase me fez espumar da boca quando comecei a ver a minha cara em partilhas de facebook.

 

Recuperada do susto inicial, senti-me muito honrada em dar a "cara" a esta intervenção cívica, pelo direito à resistência.

 

 

Esta fotografia foi tirada no MayDay 2011, a manifestação precária do dia do trabalhador, que este ano se voltará a realizar porque temos voz e não nos conformamos.

 

Este protesto precisa do nosso sentido de cidadania. Precisa de ideias. Precisa de rostos. Precisa de vozes.

 

Colaborem. Participem. Tomem o futuro pela mão.

Somos mais que estatísticas. Somos uma vontade e um grito de mudança e juntos gritamos mais alto.

 

 

 

Para mais informações

tags:
publicado por Cátia Domingues às 16:19
link do post | Aplaudir | favorito
|
Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

 

Ufff..

Travaram-na com golpes baixos portanto.

publicado por Cátia Domingues às 11:20
link do post | Aplaudir | favorito
|
Sexta-feira, 17 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

 

In. JN

publicado por Cátia Domingues às 10:49
link do post | Aplaudir | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Fevereiro de 2012

25 coisas que não se devem dizer a um copy

A não ser que o queiras fazer chorar.

1. “Lo que falta aquí son palabras con gancho. No digo que el texto no sea original y diferente, pero intenta añadir algunas palabras con gancho”

2. “Los de cuentas creen que el problema del anuncio no es lo que dice, sino cómo lo dice.”

3. “Esta demostrado que 14 es el número de palabras que da mejor resultado en un titular. Es un hecho, tío. Y tu titular tiene sólo 2 palabras. ¿No puedes encontrar 12 más?”

4. “Al cliente le ha encantado el anuncio testimonial. Dice que tiene autoridad, integridad y credibilidad. Pero quiere saber si puedes considerar la posibilidad de cambiar a Camilo José Cela por Oscar Ladoire.”

5. “¿Y qué pasará si la gente no lee el titular?”

6. “No estoy intentando hacer de copy, pero…”

7. “Al cliente le ha encantado el anuncio, excepto por el titular y el texto. De modo que tendremos que buscar una nueva imagen. Pero el presupuesto está aprobado”

8. “Nadie duda ni por un momento que tú sacarás la campaña. Esos siete copy freelance que hemos llamado están aquí sólo como… bueno…apoyo”

9. “Antes de empezar, pregúntate a ti mismo, ¿cómo lo escribiría Luís Casadevall”

10. “Es un gran texto… pero la señora María no habla así. No habla como tú o como yo.”

11. “Es un gran texto… pero en publicidad industrial, la  gente no habla así. No habla como tú o como yo.”

12. “Es un gran texto… pero en marketing directo, la  gente no habla así. No habla como tú o como yo.”

13. “El pre-test ha demostrado que a las mujeres entre 7 y 93 años les ofende la palabra ella.Como buen creativo seguro que puedes encontrar una alternativa. ¡No podemos ir por ahí ofendiendo a todas las mujeres”!”

14. “Ya sé que sólo soy un ejecutivo júnior de 24 años, recién salido de la facul, no un creativo, pero creo que el texto no tiene chispa. Es que… no es demasiado original. No te enfadas, ¿verdad?”

15. No sabes la suerte que tienes de no ser un ejecutivo de cuentas. Ahora yo tengo que coger esta campaña, llevarla al mundo real y ¡venderla!”

16. “Bueno, finalmente no va a ser la doble página de que hablamos. Así que tienes que recortar el texto no más un 95%. Tampoco veo el problema. ¿Cuánto espacio necesitó Shakespeare para decir ser o no ser? Ja, ja, sólo era una broma.”

17. “Ah, sí, aquella reunión… ¿no estuviste? Desgraciadamente se cargaron la campaña. ¿Nadie te lo había dicho? ¿De verdad?”

18. “Siempre he pensado que los creativos os enrrolláis demasiado con las palabras.”

19. “Vaaaale, tú ganas. Me llevaré el anuncio al cliente tal como lo has escrito. Aunque sé que no funcionará. Pero lo haré lo mejor que pueda, créeme. Te lo prometo.”

20. “Los abogados están preocupados por la palabra generalmente. Quieren saber si puedes poner a veces o casi nunca. Sin cambiar la esencia de tu  texto, desde luego.”

21. “Ya sé que es tu spot, pero el presupuesto no da para que el creativo vaya a rodaje. Las Seychelles no están al lado, precisamente. Además, tenemos ya 17 personas imprescindibles que van, eso sin contar con la mujer del cliente.”

22. “¿Qué dices de que los creativos nunca vais a los rodajes? Pero si acabas de volver -¿de dónde era?- ¡De Esplugues!”

23. “Mañana, todos los anuncios que has hecho en los últimos 6 meses serán revisados por el Comite de Dirección. Pero tranquilo, que el Comite está aquí para ayudarte.”

24. “He oído que el Director Creativo está mirando curriculums. No sabía que hacía falta otro copy. ¿Crees que alguien se va?”

25. “Entra… cierra la puerta. Siéntate. Ponte cómo. Estoooo…. tenemos la sensación de que… buenoooo…. no estás muy contento aquí. De modo que….”
tags:
publicado por Cátia Domingues às 13:09
link do post | Aplaudir | favorito
|
Quarta-feira, 15 de Fevereiro de 2012

Compromissos comerciais

 

 

 

 

Comentários?

 

 

publicado por Cátia Domingues às 12:59
link do post | Aplaudir | favorito
|

"Gorda do Dia"

 

Podia ter deixado só o título do post e a imagem principal..

 

Mas no fundo, toda a capa merece atenção

 

Just enjoy.

publicado por Cátia Domingues às 11:27
link do post | Aplaudir | favorito
|
Quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2012

Ética

"Existem muitas organizações que são legais e que operam como a Máfia". Esta é uma das conclusões que o investigador realça na 
entrevista ao Briefing onde revela que "os estudos mostram que as empresas que trabalham com ética, que constroem a reputação de serem
altamente confiáveis e que são íntegras, têm tendência para atrair melhores pessoas, tomar decisões mais rápidas (porque as pessoas confiam
umas nas outras) e têm uma capacidade de recuperar dos erros mais facilmente". "Existem muitos benefícios económicos que estão subjacentes
à orientação ética. Boa gestão e boa ética estão de mãos dadas, a crise é apenas uma desculpa para dizer 'Desculpa lá, tu sabes, se eu pudesse,
eu fazia mas não posso...'", conclui John Dalla Costa, fundador do Centre for Ethical Orientation, que esteve em Lisboa para participar numa
conferência promovida pela Associação Portuguesa de Anunciantes.

Fonte: Briefing



tags:
publicado por Cátia Domingues às 16:47
link do post | Aplaudir | favorito
|
Terça-feira, 7 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

 

Que simpatia estes senhores da Emel!

 

Depois da parada com gajas despidas e confettis a congratular cidadãos, genéro apanhados no Mardi Gras, pensei que esta gente tinha esgotado o seu stock de ideias parvas.

 

Pelos vistos não.

publicado por Cátia Domingues às 12:21
link do post | Aplaudir | favorito
|

Atheism

tags:
publicado por Cátia Domingues às 10:44
link do post | Aplaudir | favorito
|
Segunda-feira, 6 de Fevereiro de 2012

"Gorda do Dia"

 

A vida era tão mais alegre se todos tivéssemos uma assistente que se vestisse de pénis.

publicado por Cátia Domingues às 17:51
link do post | Aplaudir | favorito
|
Quarta-feira, 1 de Fevereiro de 2012

O ciclo da vida

Criado pela Excentric: "A nossa vida são as marcas" - para o programa Imagens de Marca

 

 

tags:
publicado por Cátia Domingues às 11:25
link do post | Aplaudir | favorito
|

"Gorda do Dia"

 

Cucu! 

 

Onde está o milionário, misteriosamente "falido", que viu as suas dívidas à banca perdoadas?

 

Onde está?

 

Onde está?

 

 

 

Nota: acho que se devia aproveitar esta onda de perdões e, já que o país também está falido, que se perdoem também as nossas.

 

Just sayin

publicado por Cátia Domingues às 11:04
link do post | Aplaudir | favorito
|

.Existentialism

.subscrever para vossas casas.

.Agora também sou moderna.

.Bird is the word

.Espectadores

Free Web Counter
Web Counter

.Recent shows

. Desculpem o Transtorno.

. Nem o Portugal-Islândia m...

. Não é mais um texto de um...

. Isto não é uma crise de r...

. Verão é paixão, é cerveja...

. Eis como o casamento entr...

. Mas isto não é um profess...

. Voltei. Adeus.

. O que não te perguntaram ...

. O que não te perguntaram ...

. O que não te perguntaram ...

. O que não te perguntaram ...

. O que não te perguntaram ...

. "Gorda do Dia"

. O que não te perguntaram ...

. O que não te perguntaram ...

. Carta da Guerra

. Duas mil pessoas? UPPA, U...

. "Gorda do Dia"

. Não é preciso abortar par...

. "Gorda do Dia"

. Camões, partiste um mês c...

. "Gorda do Dia"

. "Gorda do Dia"

. O que não te perguntaram ...

. PPV, o culto que tem medo...

. "Gorda do Dia"

. Compromissos Comerciais:

. Compromissos Não-Comercia...

. "Gorda do Dia"

.Old shows

. Novembro 2016

. Junho 2016

. Fevereiro 2016

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Dezembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

.My Theme Song

.tags

. todas as tags

.pesquisar

.links

.links